CPA - COMISSÃO PERMANENTE DE AVALIAÇÃO.

Apresentação

   O processo de autoavaliação da FINOM visa à implantação de uma cultura num processo reflexivo, sistemático e contínuo sobre a realidade institucional. A análise contínua da ação educativa, buscando vê-la com clareza e abrangência, torna possível a revisão e o aperfeiçoamento das práticas educacionais, tendo com referências o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI). A informação e divulgação, de forma célere e segura, dos dados obtidos por meio dos diferentes instrumentos, aos segmentos da Faculdade, garantem a democratização das ações e uma gestão profissional e eficaz. 

   As orientações e instrumentos propostos na avaliação da FINOM baseiam-se na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, nas Diretrizes Curriculares dos Cursos (DCNs) e no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES).

   A Instituição desenvolve um processo de autoavaliação desde 2002. O Programa de Avaliação Institucional está, desde 2004, sob a responsabilidade da Comissão Própria de Avaliação (CPA), constituída por representantes da comunidade em geral, do corpo técnico-administrativo, alunos e professores. Adota uma metodologia participativa, que traz para o âmbito das discussões as opiniões de toda a comunidade acadêmica, de forma aberta e cooperativa, utilizando diversos instrumentos e métodos combinados, conforme necessidades e situações específicas. 

   Os métodos adotados partem do individual para o coletivo, favorecendo a convergência dos dados em torno de objetivos comuns, bem como a busca compartilhada de soluções para os problemas apresentados. Buscando construir um conhecimento amplo de sua atividade-fim, o corpo discente avalia os docentes no exercício das aulas teóricas e práticas; o corpo docente avalia suas turmas de alunos e se autoavalia. Ocorre, ainda, a avaliação dos eventos, cursos de extensão e de pós-graduação. As atividades institucionais, as administrativas e os serviços oferecidos pela Instituição também são avaliados. Assim, todos os segmentos da vida acadêmica e administrativa são envolvidos nesse processo de autoconhecimento e do (re)pensar institucional, sendo responsáveis pelo seu desenvolvimento, pela discussão dos resultados e implementação de melhoria, ponto alto de todo esse processo.

   Os resultados sistematizados são divulgados aos segmentos internos, e amplamente discutidos, quando são indicadas formas de intervenção, objetivando mudanças e melhorias do Curso, da Instituição como um todo, e de cada uma de suas partes. 

   A CPA acompanha, ainda, bimestralmente, o aproveitamento discente. Os problemas detectados quanto aos procedimentos metodológicos e didático-pedagógicos, bem como as alterações da matriz curricular são discutidos amplamente nas reuniões de colegiados e nos encontros de professores e coordenadores. 

   Assim, a avaliação é uma poderosa ferramenta de adequação entre o idealizado e o concretizado, criando condições para reflexão coletiva sobre as ações institucionais e promovendo a qualidade da oferta educacional em todos os sentido.

 

Composição Faculdade FINOM
Portaria Interna FINOM PARACATU Nº 002/2021 de 08 de Fevereiro de 2021

  • Geraldo Benedito Batista Oliveira (Coordenador da CPA)
  • Laryssa Alves Diniz (Corpo Discente)
  • Cristiano Nogueira Alves Ferreira (Técnico Administrativo)
  • José Flávio Dias (Docente)
  • Maria Inês Fiuza Oliveira (Representante da Sociedade Civil Organizada)

Composição Faculdade TECSOMA

Portaria interna TECSOMA Nº 002/2021 de 08 de Fevereiro de 2021

  • Geraldo Benedito Batista Oliveira (Coordenador da CPA)
  • Noemi Maciel Silva (Corpo Discente)
  • Cristiano Nogueira Alves Ferreira (Técnico Administrativo)
  • José Flávio Dias (Docente)
  • Maria Inês Fiuza Oliveira (Representante da Sociedade Civil Organizada)

 

LiveZilla Live Chat Software